terça-feira, 5 de junho de 2018

Investigação: Assessor teve o maxilar quebrado, agredido até a morte


Por: Oziel Aragão/Plantão Itabuna

O assessor parlamentar José Antônio Pinto Muniz, 48 anos, será enterrado nesta terça-feira (5), no Cemitério Campo Santo. Ele foi assassinado na madrugada de segunda-feira (4) próximo ao Condomínio Jardim América, bairro Califórnia.

O Plantão Itabuna teve acesso a novas informações sobre o caso. Segundo uma fonte, a vítima teve o maxilar quebrado, também apresentou sinais de pancada na face, porém, ainda não é possível confirmar se foi pau ou um objeto diferente para agredi-lo. Informações iniciais apontaram para uma morte por asfixia, com possibilidade do uso de um pedaço de corda ou náilon

A polícia investiga o caso e tenta descobrir quem esteve pela última vez com a vítima. Em relação ao evento de forró realizado pela TV Santa Cruz, no bairro São Caetano, que Muniz teria participado, um amigo soube que ele teria deixado algumas pessoas na festa, mas não permaneceu. 
Outro detalhe de conhecimento das autoridades é um saque feito pelo assessor em uma agência do Banco do Brasil, na Praça Olinto Leone. Nesse caso, um homem teria lhe aguardado dentro do carro dele, entretanto, a identidade ainda é desconhecida.


O caso está sendo investigado pela DH (Delegacia de Homicídios).


Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Acredito na polícia, esse bandido não vai longe, miserável, matar o rapaz assim, que maldade.

    ResponderExcluir
  2. Muniz não fazia mal pra ninguém, ajudem denunciando esse verme que fez isso-

    ResponderExcluir

PUBLICIDADE!

PUBLICIDADE!