Plantão Itabuna - A denúncia é sua, a missão é nossa: Caso taxista de Itabuna: PC de Ilhéus identifica autor

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Caso taxista de Itabuna: PC de Ilhéus identifica autor


A Polícia Civil de Ilhéus, Delegacia de Turismo, já identificou o autor da agressão contra o taxista José Luiz da Silva. Trata-se Samy Pereira Santana, morador de Itabuna, acusado de agredir o taxista com socos no último dia 14 de outubro, por volta das 22 horas, na BR 415, Banco da Vitória.

De acordo com a delegada Adriana Paternostro, titular da unidade, imagens do circuito de segurança de um posto de combustível, próximo a confusão, já estão sendo analisadas a fim de definir a tipificação do crime, podendo ser doloso (com a intenção de matar) ou culposo (sem a intenção de matar).

Entenda

Conforme a ocorrência policial, o motorista de táxi José Luiz conduzia um veículo FIAT/TORO, Placa PKM 2684 em companhia da esposa Dolores Emília Carvalho Souza, quando colidiu na traseira do veículo GM/CELTA conduzido por Samy Pereira. O acidente provocou lesões leves em duas meninas menores de idade, ocupantes do carro de Samy. Ambas foram encaminhadas para o hospital por uma equipe do SAMU.

Segundo testemunhas, houve uma discussão entre os motoristas, porém, antes da polícia chegar ao local, o taxista saiu da cena do acidente, contudo,  foi seguido por Samy que passou a agredir o mesmo fisicamente com socos e chutes ocasionando lesões graves. O taxista chegou a ficar internado por quase dois dias, morrendo no Hospital  Regional Costa do Cacau no dia 16, por volta das 06h45.
De acordo com a policial, foi instaurado Inquérito Policial para apurar o fato. 

Em diligências no local foram identificadas três testemunhas que presenciaram o episódio e irão prestar depoimento. A polícia ainda levanta informação que os socos aplicados na vítima podem ser de um praticante de artes marciais, ou seja, Samy Pereira.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE!

PUBLICIDADE!