Plantão Itabuna - A denúncia é sua, a missão é nossa: Mangabeira prega aliança "limpa" e aponta Guinho como "ausente" do partido

quinta-feira, 2 de maio de 2019

Mangabeira prega aliança "limpa" e aponta Guinho como "ausente" do partido

O médico Antônio Mangabeira (PDT) participou do Jornal Interativa News (Rádio Interativa FM 93,7) nesta quinta-feira (2), como pré-candidato a prefeito de Itabuna, e garantiu que não fará coligações, apontando que candidatos e eleitos do passado não representam a política limpa, para ele são "espúrias". 

Mangabeira respondeu sobre segurança, apontando que é preciso qualificar a Guarda Municipal e colaborar com as polícias Civil e Militar. Também fez sérias críticas ao governo atual nesse quisto. "A segurança municipal não funciona em Itabuna, é desacreditada", diz. 

Quando o assunto foi um panfleto distribuído por ele acusando a Câmara de Vereadores de Itabuna de bolar um "esquema" e vender a Emasa, o pré-candidato mostrou-se prudente, alegando que a palavra "esquema" pode ser do bem e não como foi interpretada. Entretanto se contradiz ao negar ter provas para fundamentar a denúncia. 

Outro momento de impacto da entrevista ocorreu ao pronunciar-se sobre o Vereador Enderson Guinho (PDT), Mangabeira fez questão de frisar que não faria aliança com o membro do seu partido por ele seguir as ideologias do Governador Rui Costa (PT). Além disso, acusou o edil de não participar das reuniões no diretório local e não demonstrar interesses em seguir a orientação partidária. "Para se ter uma ideia, ao longo de seis meses a um ano, descobrimos que ele tem diversos assessores e nenhum faz parte do partido, que tipo de candidato é esse que não participa organicamente do partido",revela. 

Resposta 

Diante das acusações, o vereador Enderson Guinho solicitou a Rádio interativa FM um direito de resposta. Fique ligado, nesta sexta-feira (3), às 07:30.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE!

PUBLICIDADE!