Plantão Itabuna - A denúncia é sua, a missão é nossa: Praça Rio Cachoeira: Pânico, tiros, morte e uso de drogas é constante

domingo, 3 de novembro de 2019

Praça Rio Cachoeira: Pânico, tiros, morte e uso de drogas é constante

O crime acontece em Itabuna, Sul da Bahia, em todos os lugares, não existe essa de somente na periferia estão matando pessoas. O caso de Everton Silva dos Santos é atípico, mas ocorre, ele foi morto na Praça Rio Cachoeira, coração da cidade, Centro, local onde famílias escolhem passear, namorar ou curtir um lazer.


De acordo com testemunhas, dois homens em uma moto praticaram a execução, tiros de perto para não errarem. Everton já contava com registro de prisão, a polícia investiga se a motivação foi envolvimento com a droga, direta ou indiretamente. 

A Praça Rio Cachoeira, conhecida como "Alameda da Juventude", virou um palco confuso de transitar, existe uma mistura de dezenas de usuários de drogas e o  comércio da droga. Por outro lado, crianças, homens e mulheres que por tabela inalam as barrufadas de maconha, o terreno parece mesmo aqueles países que já liberaram o uso da droga. 

A solução seria a polícia, mas não é, PM, Civil e Guarda Municipal já fazem esse papel, apreendem e prendem usuários e até traficantes que ficam camuflados no meio da galera. A ação é esbarrada na Lei brasileira. Usuário não pode ser autuado em flagrante, são considerados dependentes químicos, porém, não existe onde coloca-los, então, são liberados para a velha prática, usar drogas em via pública e no meio do povo.

Outros casos no mesmo local.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE!

PUBLICIDADE!